Filiado à

MOMENTO DE CRISES 1

MOMENTO DE CRISES

Quem estuda História sabe que toda sociedade passa por momentos de crises econômicas, políticas, sociais e de paradigmas. Pelo que estamos acompanhando na esfera nacional e mundial, neste momento vivemos essas crises.

O “desencanto” das pessoas em relação às instituições e seus líderes nos atingiu em cheio. Políticos, empresários, religiosos e sindicalistas estão em meio a um furacão de críticas e agressões. Grupos ideológicos se digladiam de forma violenta. Boa parte da população está meio que atônita ao ver tantos desencontros. Vivemos um verdadeiro “Deus nos acuda”!

O que fazer?

“Levanta, sacode a poeira e dá volta por cima!”

É justamente isso que temos que fazer. Recomeçar!

Continuar na “deprê” não vai resolver nada! Continuar com raiva também. Vamos garimpar nossos melhores nomes (em todas as áreas) entre aqueles que comungam com a nossa forma de pensar o mundo. Não adianta virar de lado pensando em vingança: “O feitiço pode virar contra o feiticeiro”, como está acontecendo.

Não é momento de fuga, mas sim de enfrentamento (no bom sentido).

Não é momento de raiva, mas sim de raciocínio.

Não é o momento de agredir, mas sim de unir.

Não é o momento de apontar, mas de participar.

“Yes! We can!” Disse Obama aos estadunidenses que estavam desacreditados. Ele mostrou que era possível sim realizar a paz com todos os povos buscando o diálogo.

Podemos dizer o mesmo em relação ao que estamos passando neste momento.

Não podemos desistir de nossos sonhos porque meia dúzia errou.

Não podemos recuar na busca de uma sociedade igualitária.

Não podemos recuar na luta pelo fim da miséria.

Não podemos recuar na distribuição de renda.

Não podemos deixar de ser brasileiros e de ser cristãos!

Petrônio Filho

Deixe um comentário